domingo, janeiro 01, 2006

Tanto alarido...

É isto? Não me sinto diferente; não repiro ar diferente; não vejo o mundo com outras cores; não ouço nada de novo; a comida soube-me ao mesmo;...
Afinal, tanto alarido para nada.
Mas ao menos também não perdi nada do que gosto, nem desapareceram aqueles para quem guardo palavras e sentimentos especiais. O meu beijo continua a pertencer à mesma pessoa, correspondido.
Afinal, nem tudo é cinzento.

7 comentários:

Claudio Tellez disse...

Meu caro Gonçalinho,

Um feliz 2006 para ti! Com muita saúde e prosperidade!

Forte abraço,
Claudio Téllez

Pinto Ribeiro disse...

num. o resto é preto. ora bom dia Kamarada.

Fernando_Vilarinho disse...

já tamos em 2007?

eh pá!
nem tinha dado conta.

ups...!
afinal dizem-me que é só 2006!!

afinal ainda não posso gritar que sou campeão do mundo.
c'azar!!

abr.

Fernando_Vilarinho disse...

btw
já só sobram 6 pro poleiro de Belém!

deumus disse...

Que o Demo te acompanhe.

Elise disse...

Feliz 2006! :)

Flor disse...

Feliz 2006 patu!!!!