quarta-feira, agosto 06, 2008

Escolhas

A vida é feita de escolhas. Nada de novo, certo? Mas por vezes nós esquecemo-nos disso e agarramo-nos a conceitos e ideias que por vezes são contraditórios. Quando a vida nos apresenta uma bifurcação tudo o que temos a fazer é escolher o caminho. Alguns dirão que é difícil escolher, que às vezes precisamos de conceitos inerentes aos dois trajectos, mas não é verdade. Não precisamos de nada. Tudo o que temos a fazer é escolher o caminho que nos dá mais prazer, mais vantagens.
Por vezes temos que escolher, por exemplo, entre uma vida longa sem uma perna ou uma vida curta com ambas. A perna é importante, mas não absolutamente necessária, assim como uma vida mais longa pode dar-nos mais tempo para muitas coisas, a qualidade dessa vida pode não ser tudo aquilo que desejamos. Então, escolhemos. Eu, neste caso, escolhia poder continuar a ser bípede apesar de saber que tenho menos passos para dar.

2 comentários:

Aves Raras disse...

Hum... essa opção de antes perder uns anos de vida que uma perna, é um bocado na linha do:

"Live hard, die young, leave a good looking corpse"

:-)

Gonçalinho disse...

Essa escolha, do ponto de vista literal, só a faria na situação em causa e com outros factores em consideração.
Mas a interpretação da metáfora, apesar de não ser a mais certeira, não anda longe da intenção. ;)