quarta-feira, fevereiro 22, 2006

E se...?

E se, em vez de um novo aeroporto na Ota, se construísse uma central nuclear?

7 comentários:

Elise disse...

temos de diminuir a nossa dependência energética. o nuclear tem sido adiado de forma estúpida. bahhhh.

já imaginaste os berros dos ambientalistas, dos verdes, e bla bla?

pedido: tira a verificação de palavras. por favor. imploro. peço.

Gonçalinho disse...

Eu sou pró-ambiente... E só quem nunca estudou o assunto consegue dizer que a solução nuclear não é uma das mais limpas.

Adryka disse...

Obá se é bom :::Eu confesso que só sei que um novo aeroporto, num país cheio de problmas economicos deve ser uma loucura...Beijos amigo

spartakus disse...

olha...a Elise teve a falar com o Presidente do Irão...LOL!!!. eu concordo. abraços Kamarada.

Aves Raras disse...

Começo por dizer que não percebo nada sobre o assunto!
Eu não excluo o nuclear só porque sim, mas fica-me a dúvida se não será preferível investir em outras energias, como a solar, a eólica, as marés, a biomassa, o hidrogénio, etc.
A outra dúvida é se de facto o nuclear é o mais adequado, do ponto de vista económico.
Ou seja, investir em energias que sejam limpas à partida e limpas à chegada. O meu sonho é comprar um carro a hidrogénio, daqueles que pelo escape deitam... vapor de água!

Gonçalinho disse...

O próprio vapor de água é um factor poluidor... Menos nocivo, é óbvio.

Elise disse...

portugal não tem as reservas de petróleo e gás natural do irão, nem tem um presidente que pediu a eliminação de um país.

***

e que tal uma central com investimento privado?