segunda-feira, agosto 10, 2009

Prefiro...

Prefiro correr o risco de dar com os cornos no volante do meu carro por incúria minha, a permitir que um qualquer burocrata decida castigar-me por pôr a minha cornadura em risco.
Prefiro correr o risco de morrer numa sarjeta por falta de ajuda a permitir que o burocrata me force um seguro de saúde que não negociei (nem aceitei), e que me sai mais caro, ao fim do dia, que um seguro de saúde privado, para o qual fiquei sem dinheiro devido à extorsão anterior.
Prefiro ser assaltado todos os dias a ser vigiado em todos os buracos e ruelas em que me passeio por câmaras que me podem filmar, até, o alívio já tardio da bexiga contra uma qualquer pública parede mais recatada.
Prefiro correr o risco de ser levado por uma qualquer onda menos socialmente consciente a ter os burocratas à perna se for dar o mergulhinho da praxe, apesar da bandeira vermelha.
...

2 comentários:

AA disse...

você tem a autorização dessas preferências?

Gonçalinho disse...

Mais burocracia?... Irra!