quarta-feira, janeiro 21, 2009

Ele há gajos com a mania (ou Parabéns, Sr Obama)

Tenho mais medo daquele que procura o poder cheio de boas intenções, que daquele que o faz com as piores das intenções. É mais fácil defender-me das más intenções.

7 comentários:

GoEThe disse...

Hein? Qual é a lógica?

Elise disse...

eu sei do que falas gonçalinho!!!

Gonçalinho disse...

Vejamos, Goethe:
Aquele que procura o poder com boas intenções procura impôr a sua bem intencionada visão aos restantes indivíduos. Mas como a intenção é boa, a minha argumentação em defesa da minha liberdade individual é, demasiadas vezes, interpretada como mal intencionada.
Já defender-me das más intenções quase nem exige argumentação além da própria má intenção para a contrariar.

Elise disse...

Acho que a questao principal agora +e saber se obama vai dar às filhas um cao de raça portuguesa.

Elise disse...

o AA tem a mania que é superior às correntes

O Peregrino disse...

Embora também tema o sr. Obama, acho que é melhor que a alternativa. Por enquanto, o mais próximo da liberdade (mesmo que não concordes, Gonçalo) é mesmo ele, pois do outro lado não se vislumbra abertura para a liberdade individual, apenas para a liberdade corporativa. Não é a situação ideal, mas estou confiante que o respeito pela paz que o Barack demonstra é mais pró-liberdade do que a obcessão bélica dos republicanos actuais...

Aves Raras disse...

Confirma-se: Barack Obama é o Presidente Americano mais estimado de sempre - na Europa.
Não sei se somos nós que estamos mal servidos, ou se é ele que está no continente errado, mas lá que alguma coisa não bate certo, ai isso...